GO Searcher – Megan

Navio de recuperação da SpaceX

GO Searcher, ou ‘Megan”

O GO Searcher (‘Megan’ a partir de fevereiro de 20222) tem tonelagem de 497 GT/ 576 DWT; Comprimento: 51,0 m, calado de 12,0 m linha dágua,3 m; Profundidade: 3,6576 m; Decks: 1 ; Motorização: 1.750 HP – Propulsão: Dois motores diesel industriais CAT 3508B; Velocidade: 22 nós (41 km / h) Capacidade: 32 pessoas (Equipe técnica de 6). O GO Searcher possui uma instalação de tratamento médico, heliporto, radares e comunicação de longo alcance. Um grande guindaste de içamento é instalado na popa do navio para levantar a cápsula da água.

Após a amerrissagem da cápsula, as equipes de recuperação em lanchas de aproximação rápida conectam as linhas entre o GO Searcher e o Dragon e, em seguida, a cápsula é retirada da água. Os astronautas saem da cápsula assim que ela é neuttralizada e protegida no convés do navio. A NASA requer que a SpaceX retire os astronautas do Dragon dentro de 60 minutos após a amerrissagem .

Quando a amerrissagem ocorre no mar próximo ao Cabo Canaveral, os astronautas são recuperados e viajam de volta ao Porto Canaveral a bordo do navio de recuperação. Em caso de emergência médica ou amerrissagem em outro lugar, um helicóptero pousará e transportará os astronautas de volta à costa. A SpaceX concluiu uma demonstração de uma evacuação por helicóptero para a NASA no outono de 2018.
Entre abril e maio de 2019 o navio foi temporariamente realocado para operações de recuperação de carenagem . Ao lado do GO Navigator , o navio foi equipado com dispositivos infláveis ​​e enviado para recuperar as carenagens durante as missões ArabSat-6A e Starlink 0.9. O navio foi bem-sucedido em ambas as ocasiões e entregou uma meia-carenagem intacta de volta a Port Canaveral após a conclusão de ambas as missões.

%d bloggers like this: