Bob

Navio de recuperação de carenagens de cabeça e reboque de balsas-drone

Os dois novos e definitivos navios de recuperação de carenagem da SpaceX foram fotografados numa doca seca da Louisiana. A SpaceX comprou dois navios de abastecimento offshore com uma década de existência, anteriormente conhecidos como Ingrid e Ella G.
Rebatizados de Bob e Doug, foram modificados como uma solução multiuso para rebocar e da suporte a balsas-drone offshore e também recuperar as metades das coifas. Os navios estavam em obras na Louisiana desde maio e em seguida partiram para a Flórida.

Sua capacidade de carga é de 4,827 t DWT e seu calado atual é de 4,1 metros. Seu comprimento total (LOA) é de 85,37 metros e sua largura é de 18,29 metros. Sua tonelagem bruta é de 2.998. Ambos foram projetados e aprovados como navios de lama líquida especializados no transporte de fluidos de perfuração de campos petrolíferos não perigosos Grau “E” e Grau “D”, bem como outros fluidos não perigosos.

A SpaceX pintou o seu “X” e renomeou as duas embarcações como “Bob” e “Doug” em homenagem aos astronautas da NASA que pilotar a nave Crew Dragon Endeavour em maio de 2020. Um grande guincho foi instalado embaixo da nova plataforma de pouso elevada, que foi projetada para rebocar as balsas em momentos em que eles não possam operar de forma autônoma.
Um guindaste de grande porte foi adicionado a ambos os navios para recuperar as metades de carenagem da água, disse o fotógrafo Gav Cornwell, que fez fotos dos navios. Isso pode significar que a SpaceX poderia reduzir a frota de navios necessária para apoiar cada pouso de reforço de drones de dois para um, usando Bog e Doug para rebocar e atender às plataformas de pouso no mar.
Em comparação a frota mais permanente da SpaceX, incluindo os ex-membros Ms Tree e Ms Chief, os Bob e Doug são navios grandes, medindo mais de 80 m de comprimento. Eles também são cinco ou seis vezes mais pesados ​​do que o GO Searcher ou Ms Tree.

%d bloggers like this: