China lança mais um ‘Gaofen’

GF 12-03 fará reconhecimento por radar

Longa Marcha 4C número Y46 decola de Jiuquan

Outro satélite de sensoriamento remoto foi lançado em 27 de junho de 2022 da área 94/06 do Centro Espacial de Jiuquan, no noroeste da China. O satélite Gaofen-12 03 (GF 12-03) foi lançado pelo foguete Longa Marcha-4C CZ 4C Y46 às 23h46, horário de Pequim ( 15:46UTC ou 12:46 Brasilia), e entrou com sucesso em sua órbita designada. O satélite foi colocado em órbita de 594,8 km x 599,2 km, inclinada em 97,98° com período de 96,62 min.
Tanto o foguete quanto o satélite são fabricados pela Shanghai SAST Space Technology Research Academy. O anúncio oficial de que a espaçonave “será usada em vários campos, incluindo levantamento de terras, planejamento urbano, projeto de rede rodoviária, previsão de safras e gerenciamento de desastres”, na realidade é um eufemismo para a missão de vigilância militar por radar chinês.

Os satélites Gaofen-12 (高分十二号, Gaofen 12, GF-12) são os satelites de imagem de radar chineses mais possantes – o radar com uma antena tipo arranjo de fase – phased array ativa do 14º Instituto da China Electronic Technology Corporation CETC com uma resolução de até 0,3 m. O desenvolvedor da espaçonave como um todo é uma subdivisão do SAST – o Instituto de Engenharia de Satélites de Xangai Outra divisão do SAST, o Instituto de Design de Sistemas Espaciais de Shangai (上海宇航系统工程研究所, Shangai Yuhang Xitong Gongchen Yanjuso, Instituto de Engenharia de Sistemas Aeroespaciais de Shangai), é responsável pela carga util.

Logo após o lançamento, cada espaçonave GF-12 realiza uma ascensão independente para sua órbita de trabalho com uma altitude média condicional de 628,5 km. Embora os dois primeiros fossem colocados em dois planos diferentes com o nó descendente passando às 07:00 e 05:00 respectivamente, eles sincronizam seu movimento e permanecem aproximadamente em antifase, ou seja, quando GF-12 01 passa pelo nó descendente, GF- 12 02 cruza o equador na direção oposta do outro lado da Terra. Ass manobras de ambas as espaçonaves para esse fim foram observadas desde o final de janeiro de 2022.

Este já é o 425º voo dos foguetes lançadores de nome Longa Marcha, em suas várias versões.

Conheça mais sobre exploração espacial no Curso Introdutório de História e Fundamentos da Astronáutica

Curso de Introdução à Astronáutica

CONTRIBUA ATRAVÉS DO PIX DO HOMEM DO ESPAÇO: homemdoespacobr@gmail.com

Compre os e-books da Biblioteca Espacial Brasileira:

BIBLIOTECA ESPACIAL

E-book Estações Espaciais Volume I

E-book Estações Espaciais Volume II

E-book Naves Espaciais Tripuladas

E-book Compêndio da missão EMM-1 dos Emirados a Marte

E-book Compêndio Satélites Militares

E-book Compêndio da missão Soyuz 9

Author: homemdoespacobrasil

Sua referência em Astronáutica na internet

%d bloggers like this: