Rússia lança Kosmos 2556

Satélite do tipo ‘Bars-M’ tem aplicação militar

Bars-M (russianspaceweb.com)

A espaçonave Kosmos-2556 foi lançada do cosmódromo de Plesetsk com sucesso em órbita, disse o Ministério da Defesa russo hoje, quinta-feira, 19 de maio de 2022, às 11.03.32.331, hora de Moscou (05.03.32.331 Brasília). “A espaçonave do Ministério da Defesa da Rússia pela equipe de combate das Forças Espaciais do Cosmódromo de Teste Estatal do Ministério da Defesa da Federação Russa foi lançada na órbita-alvo no horário predeterminado e controlada por telemetria pelo Centro Espacial Principal de Testes em homenagem às Forças Espaciais G. S. Titov das Forças Aeroespaciais”, disse o ministério.

Foguete Soyuz 2.1a

O 14F148 Bars-M é um satélite de reconhecimento que mapeia o solo para o Ministério da Defesa russo. Imagens espaciais de alta resolução do Bars-M são usadas para atualizar mapas topográficos militares. A espaçonave consiste em três compartimentos: serviço MSS (Modul Sluzhebnykh Sistem), instrumentação SVIT (Sistema Vydachi Impulsa Tyag) e compartimento de carga útil MTsA (Modul Tselevoy Apparatury). O compartimento de carga é um módulo independente com sistemas estruturais customizados de modo que possa ser fabricado separadamente de outros componentes da espaçonave e integrado ao final do processo de fabricação.

Dada a capacidade do satélite de captar a superfície terrestre com alta resolução espacial, supõe-se que também é usado como satélite espião, ou seja, de reconhecimento óptico.

Complexo Eletrônico Óptico Karat

Os satélites transmitem dados para a Terra na forma de um fluxo digital criptografado para estações receptoras . A liderança militar da Rússia tomou uma decisão na década de 1990 de criar um satélite de nova geração capaz de substituir as espaçonaves da série Kometa. Começou o desenvolvimento do Bars, baseado na plataforma de satélite Yantar, mas devido a problemas técnicos e financeiros, o projeto foi paralisado. Após o desligamento da última espaçonave Kometa em 2005, que realizava tarefas cartográficas, a Rússia não conseguiu terminar de criar um substituto adequado para ela.

Em 2007, os trabalhos foram retomados, no projeto Bars-M (M – modernizado). A empresa russa TsSKB Progress foi encarregada de desenvolver uma nova plataforma de satélite que seria equipada com uma carga útil com um scanner óptico fabricado pela empresa LOMO (Associação óptico-mecânica de Leningrado). Quanto às dimensões, o modelo Bars-M com uma massa de mais de 4 toneladas é bem mais leve que naves similares como as Persona ou Resurs-P.

A carga útil – A bordo está instalada uma suíte de câmeras de alta resolução , capaz de fotografar a superfície terrestre com resolução inferior a 1 metro, além de uma câmera grande angular de resolução média projetada para e disparo topográfico (pode ser usada para imagens estéreo usando um altímetro laser duplo). O sistema de imageamento é chamado OEC Karat, onde OEC (Opticheskiy Elektronnyy Kompleks) significa Complexo Eletrônico Óptico. Os telescópios são instalados num invólucro hermético RSNKP feito em composto de fibra de carbono que mantém sua forma nas condições de temperatura extremas da órbita terrestre. Junto com um par de telescópios, o RSNKP contém dois emissores de laser, dispositivos de calibração e um telêmetro a laser, espelhos refletores e sensores de atitude da espaçonave.

Conheça mais sobre exploração espacial no Curso Introdutório de História e Fundamentos da Astronáutica

Curso de Introdução à Astronáutica

CONTRIBUA ATRAVÉS DO PIX DO HOMEM DO ESPAÇO: homemdoespacobr@gmail.com

Compre os e-books da Biblioteca Espacial Brasileira:

BIBLIOTECA ESPACIAL

E-book Estações Espaciais Volume I

E-book Estações Espaciais Volume II

E-book Naves Espaciais Tripuladas

E-book Compêndio da missão EMM-1 dos Emirados a Marte

E-book Compêndio Satélites Militares

E-book Compêndio da missão Soyuz 9

Author: homemdoespacobrasil

Sua referência em Astronáutica na internet

%d bloggers like this: