Alexander Skvortsov explica por que deixou o corpo de cosmonautas

Na primavera de 2022, ele e mais um de seus colegas se despedem da profissão espacial

Skvortsov não gosta da ideia de trabalhar por um ano com os americanos

Dois cosmonautas deixaram a equipe espacial da Rússia – o destacamento de cosmonautas da Roskosmos – nesta primavera. Eles são Aleksander Skvortsov, Aleksander Misurkin, que fizeram três voos para a Estação Espacial Internaciona; anteriormente havia sido anunciado que Andrey Babkin, que nunca voou para o espaço, também havia se aposentado, mas tal informação não se confirmou.

Misurkin

No último dia de março, o cosmonauta Misurkin, de 44 anos, escreveu sua carta de demissão. Ele foi alistado no destacamento em 2006, realizou três voos espaciais, cuja duração total foi de 346 dias 7 horas e 4 minutos. A duração total do seu trabalho em espaço aberto (atividade extraveicular EVA, ou VKD) foi de 28 horas e 13 minutos. O 116º cosmonauta da Rússia, Herói da Federação Russa Misurkin tornou-se famoso pelo recorde de permanência dos cosmonautas fora da ISS. Assim, em 2013, Aleksander, junto com Fedor Yurchikhin, trabalhou no modo EVA por 7 horas e 29 minutos e, em 2018, o mesmo Misurkin com outro parceiro, Anton Shkaplerov, passou 8 horas e 13 minutos no espaço, quebrando sua próprio registro de cinco anos. A tarefa dos astronautas era instalar um novo módulo de um sistema de comunicação de banda larga, que eles completaram com sucesso.

Andrey Babkin permanece no corpo de cosmonautas, apesar de notícias em contrário

Quanto ao cosmonauta-testador Andrei Babkin, ele permanece no Destacamento e continua treinando, apesar de algumas restrições médicas. As informações recebidas anteriormente sobre seu desligamento não foram confirmadas. O jornalista especializado Aleksandr Khokhlov entrevistou pessoalmente Andrey. Em 29 de abril, seguindo Misurkin, o destacamento de cosmonautas também foi deixado pelo Herói da Rússia, piloto-cosmonauta da Federação Russa Alexander Skvortsov. Skvortsov foi o 105º cosmonauta da Federação Russa, que está no destacamento desde o recrutamento de 1997 que incluía também os cosmonautas Sergei Volkov, Maksim Suraev, Yuri Romanenko e Yuri Lonchakov, que há muito deixaram a cosmonáutica tripulada. Skvortsov, assim como Misurkin, voou três vezes em órbita da Terra, permanecendo lá por um total de quase 546 dias e fazendo duas caminhadas espaciais com duração total de 12 horas e 34 minutos.

Skvortsov distinguiu-se por uma série de experimentos científicos conduzidos com sucesso a bordo, manutenção dos sistemas de bordo da estação e fotografia e filmagem de vídeo a bordo. O próximo voo do astronauta, como comandante da tripulação da ISS-70 (a 67ª tripulação está atualmente trabalhando na ISS) estava programado para 2023. Alexander Skvortsov deveria comandar o primeiro vôo de dois novatos: Konstantin Borisov e Oleg Platonov. No entanto, um ano antes , um dos membros mais experientes do destacamento mudou de ideia.

“Tendo me familiarizado com o programa do futuro vôo, reconsiderei minha decisão” – Skvortsov comentou . ” A expedição ISS-70 está prevista para ter duração de um ano. Apesar do fato de que ainda estou apto , será difícil para mim voar por um período tão longo. Não teria sido nada se o programa tivesse um trabalho interessante no segmento russo, mas na maioria das vezes eu teria que trabalhar para os americanos, ou seja, para ajudá-los a realizar seus experimentos. Desculpe, mas não há motivação adequada para isso. Daqui a alguns dias farei 56 anos e não quero comemorar meu 60º aniversário em órbita. Devemos parar no tempo. Note que estou deixando o destacamento sem nenhum ressentimento, sou grato ao destino por me conectar com o TsPK (Centro Gagarin de Treinamento de Cosmonautas), e respeito Rogozin” (Dmitry Rogozin, Diretor Geral da Roskosmos ).

Como ficou conhecido , em vez de Skvortsov como membro da ISS-70, é possível que Alexei Ovchinin, que estava no plano da ISS-71, faça um voo. Outro cosmonauta do destacamento, Andrey Babkin, também se despede de sua profissão, mas nunca tendo voado para a ISS. Veio para o TsPK Gagarin em 2010, em 2018 deveria se tornar substituto para Nikolai Tikhonov. Mas devido ao embaralhamento de membros da tripulação associados aos planos da Roskosmos em constante mudança na época, Tikhonov foi removido da tripulação principal e Babkin da equipe reserva junto com ele. Como resultado, no momento do lançamento, membros da missão ISS-57/58, o cosmonauta russo Ovchinin e o astronauta da NASA Tyler Haigue, estavam a bordo da espaçonave. O lançamento terminou na falha do veículo lançador Soyuz-FG. Felizmente, e os astronautas conseguiram escapar por meio do siatema de resgate de emergência do foguete.

Em 2020, os mesmos Tikhonov e Babkin foram novamente realocados, só que agora os dois na equipe principal. Mas, infelizmente, Tikhonov machucou um olho e foi removido por “razões médicas”. Como resultado, dois novatos foram enviados para a ISS – Anatoly Ivanishin e Ivan Vagner – e Babkin, por coincidência, ficou novamente sem trabalho.

Ele fez outra tentativa de ir ao espaço em outubro de 2021. O cosmonauta estava esperando por este voo, preparando-se ativamente. Mas, aparentemente, não era seu destino estar em órbita. A gestão novamente mudou os membros da tripulação em conexão com o voo para a ISS da equipe de filmagem russa do filme Vyvod “Desafio”. Depois disso, o cosmonauta, já na casa dos sessenta, não tinha nada a esperar. No início de abril de 2022, ele escreveu sua carta de demissão.

Conheça mais sobre exploração espacial no Curso Introdutório de História e Fundamentos da Astronáutica

Curso de Introdução à Astronáutica

CONTRIBUA ATRAVÉS DO PIX DO HOMEM DO ESPAÇO: homemdoespacobr@gmail.com

Compre os e-books da Biblioteca Espacial Brasileira:

BIBLIOTECA ESPACIAL

E-book Estações Espaciais Volume I

E-book Estações Espaciais Volume II

E-book Naves Espaciais Tripuladas

E-book Compêndio da missão EMM-1 dos Emirados a Marte

E-book Compêndio Satélites Militares

E-book Compêndio da missão Soyuz 9

Author: homemdoespacobrasil

Sua referência em Astronáutica na internet

%d bloggers like this: