SpaceX lança mais 53 Starlinks hoje

‘Core’ de primeiro estágio é reciclado em tempo recorde

O “core” B1062.6 faz parte do foguete de 568.012 kg que está posicionado na SLC-40

A SpaceX lançará a missão Starlink Fl43 Grupo 4-16 (v1.5 L14) com 53 satélites pelo foguete Falcon 9 (“core” B1062.6) a partir do Cape Canaveral Space Launch Complex 40 (SLC-40) em 29 de abril de 2022 às 21:27 UTC (18:27 Brasilia).
A previsão atual promete 80% de chance de condições climáticas favoráveis ​​no horário de lançamento programado. A SpaceX estabelecerá um novo recorde ao lançar uma missão com um ‘core’ de primeiro estágio que apenas 21 dias atrás retornou de seu último voo – o lançamento da missão tripulada Ax-1 para a estação espacial internacional.

Se tudo correr conforme o planejado, o primeiro estágio do foguete retornará e pousará na barca-drone Just Read the Instructions (JRTI), estacionada a 629 km na ‘pegada’ de trajetória no Atlântico. A balsa foi rebocada pelo rebocador Finn Falgout e é acessorada pelo navio de apoio Bob, que recuperará as conchas da carenagem de cabeça a 648 km do Cabo, cerca de 8,5 minutos após a decolagem. O estágio superior do Falcon 9 levará os satélites Starlink à órbita, liberando-os cerca de 60 minutos após o lançamento.

Transmissão do Homem do Espaço

CONTAGEM REGRESSIVA
hh/min/s: Evento
00:38:00 O diretor de lançamento da SpaceX verifica o abastecimento do propelente
00:35:00 O abastecimento de RP-1 (querosene grau de foguete) é regulado
00:35:00 O carregamento do 1º estágio com LOX (oxigênio líquido) começa
00:16:00 Carregamento de LOX do 2º estágio começa
00:07:00 Falcon 9 inicia resfriamento dos motores (chilldown) antes do lançamento
00:01:00 Computador de voo de comando para decolagem as verificações finais de pré-lançamento
00:01:00 A pressurização do tanque de propelente para a pressão de voo é regulada e conferida
00:00:45 Diretor de lançamento da SpaceX verifica o lançamento
00:00:03 O controlador automático do foguete comanda a sequência de ignição dos motores para decolagem
00:00:00 Decolagem do Falcon 9

LANÇAMENTO, ATERRISSAGEM E LIBERAÇÃO DA CARGA ÚTIL
Todos os tempos são aproximados

hh/min/s: Evento
00:01:12 Max Q (momento de máximo de estresse mecânico no foguete)
00:02:31 Corte dos motores principais do 1º estágio (MECO)
00:02:35 primeiro e segundo estágios separados (estagiamento)
00:02:42 Ignição 1 do motor do 2º estágio (SES-1)
00:02:50 Liberação de carenagem
00:06:13 Começa a ignição de reentrada do 1º estágio
00:06:32 Ignição de entrada do 1º estágio concluída
00:08:02 Começa a ignição de pouso do 1º estágio
00:08:24 Pouso do primeiro estágio
00:08:49 Corte 1 do motor do 2º estágio (SECO-1)
00:45:22 Ignição 2 do motore do 2º estágio (SES-2)
00:45:24 Corte 2 do motore do 2º estágio (SECO-2)
00:59:30 Satélites Starlink liberados

Perfil de lançamento até o pouso do ‘core’ na balsa

Reclamações de clientes

A SpaceX de Elon Musk pediu desculpas a alguns clientes por sua falta de suporte ao cliente do Starlink, pois expandiu demais a rede de internet via satélite. A equipe da Starlink disse em uma mensagem, postada no Reddit por um cliente chamado Robert Smith, que “atrasou nosso tempo de resposta normal” e “este não é o nível de suporte que pretendemos fornecer”. A empresa disse que está fazendo melhorias em seu serviço, incluindo a contratação de mais pessoas para sua equipe de suporte, de acordo com a mensagem. Acrescentou que pode haver um “atraso incomum” antes que eles respondam aos clientes e alguém da equipe responderá “eventualmente”.

Foguete configurado para lançamento de 53 satélites

O usuário “Smith”, residente em Washington, disse ao site Insider que a mensagem da empresa era uma resposta a uma postagem que ele enviou em 17 de abril sobre velocidades e latências lentas da Internet. Desde que encomendou o Starlink em maio de 2021, Smith disse que achou o serviço de Internet “ótimo”, mas não ficou impressionado com o suporte ao cliente .

“Infelizmente, nosso serviço sofreu nas últimas três semanas e o tempo de resposta lento no suporte”, disse Smith. “Tem sido uma mudança de vida um pouco decepcionante eles deixarem o atendimento cair tanto.” Um outro usuário do Reddit comentou a postagem de Smith, dizendo que também enviou uma solicitação à Starlink em 17 de abril, obteve a mesma resposta – e ainda está aguardando a empresa retornar.

Outro usuário foi informado de que a empresa estava enviando aos clientes “algum tipo de comunicação”. A falta de atendimento ao cliente é uma reclamação comum, de acordo com clientes que falaram com o Insider. Os clientes da Starlink contaram anteriormente sobre as frustrações que experimentaram com o atendimento. Duas pessoas, que ficaram irritadas depois que a Starlink aumentou os preços , disseram que exigiram que seus depósitos de US$ 100 fossem devolvidos por kits que não receberam.

Conheça mais sobre exploração espacial no Curso Introdutório de História e Fundamentos da Astronáutica

Curso de Introdução à Astronáutica

CONTRIBUA ATRAVÉS DO PIX DO HOMEM DO ESPAÇO: homemdoespacobr@gmail.com

Compre os e-books da Biblioteca Espacial Brasileira:

BIBLIOTECA ESPACIAL

E-book Estações Espaciais Volume I

E-book Estações Espaciais Volume II

E-book Naves Espaciais Tripuladas

E-book Compêndio da missão EMM-1 dos Emirados a Marte

E-book Compêndio Satélites Militares

E-book Compêndio da missão Soyuz 9

Author: homemdoespacobrasil

Sua referência em Astronáutica na internet

%d bloggers like this: