Após incidente na montagem, James Webb está em preparação final de lançamento

Soltura de banda de fixação causou vibrações na estrutura

Telescópio JWST no vagão de suporte

A NASA anunciou ontem, 24 de novembro, que os testes no telescópio espacial James Webb (JWST) não encontraram nenhum sinal de dano a qualquer de seus componentes depois que uma braçadeira se soltou durante o trabalho de montagem e teste na oficina da Arianespace em Kourou, na Guiana Francesa. A soltura da braçadeira provocou vibrações na estrutura, que temia-se danificasse o telescópio. Depois de feita uma revisão do sistema, os preparativos para o lançamento do JWST foram retomados. A NASA não discutiu que testes específicos foram realizados ou os componentes potencialmente afetados, mas disse num comunicado que uma equipe de testagem concluiu que nenhum componente do observatório foi danificado. O abastecimento de propelentes começou em 25 de novembro numa sequência de tarefas que durará dez dias. “Os especialistas estavam preparando para encaixar o adaptador do veículo lançador Ariane-5. No entanto, como resultado da liberação repentina não planejada de uma das braçadeiras que prendem o telescópio acoplado ao adaptador, uma onda de vibração passou por todo o telescópio “, explicou a NASA.
O incidente ocorrera em 9 de novembro, porém a NASA americana escondeu o fato até 22 de novembro, quando anunciou que estava adiando o lançamento em quatro dias para “conduzir testes”. Os programadores esperaram o resultado das testagens – e as causas da falha – para anunciar formalmente o adiamento. Funcionários da agência não fizeram menção a qualquer evento fora do nominal mesmo durante entrevistas dadas em 18 de novembro, sobre os objetivos científicos e a instrumentação a bordo, dizendo que apenas que o abastecimento estava programado para começar em alguns dias para manter o cronograma para um lançamento na data original, em 18 de dezembro. Nais de trezentas operações são necessárias para garantir que o JWST esteja corretamente instalado e funcionando quando for encapsulado na coifa de carga do foguete-lançador.

Estágio superior do foguete-lançador

A espaçonave deve ser lançada por um foguete europeu Ariane 5 (número de série  L5114) em 22 de dezembro, quatro dias depois do planejado anteriormente. A decolagem do Ariane transportando o JWST, na missão VA256, está programada para as 07:20, hora local em Kourou.

O James Webb é ligado ao foguete-lançador através de adaptador de carga útil construído pela RUAG Aerospace, do tipo ACU 2624. Este adaptador cônico de aluminio e fibra de carbono tem formato de tronco de cone e tem no topo uma abraçadeira de liberação primária tipo ‘clamp-band’ equipada com um sistema de destravamento funcionando com parafusos frangíveis.

Exemplo de banda auxiliar de fixação

Esta banda, fornecida pela SAAB Ericsson Space, permite o encaixe de uma base de conexão de 2,64 metros de diâmetro em forma de anel, que é envolvida pela banda de retenção. Uma série de sistemas periféricos são embutidos adaptador, como o mecanismo de liberação, a braçadeira e seus dispositivos de retenção, o conjunto de molas de separação, cablagem umbilical elétrica e os chicotes de fiação necessários. As estruturas do adaptador são projetadas e fabricadas a partir de peças forjadas de alumínio e estruturas de revestimento de polímero reforçado com fibra de carbono.

Sistema de fixação de carga útil da RUAG

Para dar segurança extra em tarefas de transporte e montagem, é adicionada uma banda extra, a chamada banda auxiliar ou GSE band. Ainda não está clara extensão de possíveis danos à banda, ou se ambas foram atingidas. De qualquer modo, como as preparações prosseguiram, pode-se inferir que o sistema foi revisado e considerado seguro, uma vez que o manual manda que os trabalhos podem ser retomados depois que a causa da eventual falha seja encontrada.

Primeiro estágio do Ariane 5 para a VA256

Conheça mais sobre exploração espacial no Curso Introdutório de História e Fundamentos da Astronáutica

Curso de Introdução à Astronáutica

CONTRIBUA ATRAVÉS DO PIX DO HOMEM DO ESPAÇO: homemdoespacobr@gmail.com

Compre os e-books da Biblioteca Espacial Brasileira:

BIBLIOTECA ESPACIAL

E-book Estações Espaciais Volume I

E-book Estações Espaciais Volume II

E-book Naves Espaciais Tripuladas

E-book Compêndio da missão EMM-1 dos Emirados a Marte

E-book Compêndio Satélites Militares

E-book Compêndio da missão Soyuz 9

Author: homemdoespacobrasil

Sua referência em Astronáutica na internet

%d bloggers like this: