China lança Gaofen 11-03

Satélite de sensoriamento partiu de Taiyuan

O CZ-4B Y52 decola do Centro de Lançamento de Taiyuan, Província de Shanxi

Um foguete Longa Marcha-4B (CZ-4B número de série Y52) lançou o satélite de observação da Terra Gaofen-11 03 do Centro de Lançamento de Satélites de Taiyuan (plataforma LC9), Província de Shanxi no norte da China, em 20 de novembro de 2021, às 01 : 51 UTC (09:51 hora local, 22:51 de Brasilia do dia 19). De acordo com fontes oficiais, o Gaofen-11 03 (高分 十一 号 03, Gāo fēn shíyī hào 03) entrou na órbita planejada com sucesso e formará uma rede com os Gaofen-11 01 e 02 para “melhorar muito a eficiência da observação da Terra e fazer maiores contribuições para e desenvolvimento social nas áreas de levantamento fundiário, planejamento urbano, propriedade fundiária, projeto de rede viária, estimativa de safra e prevenção e mitigação de desastres.”

De acordo com relatos, o Gaofen 11 pode ser capaz de atingir uma resolução de imagem do solo de 10 cm ou menos. Se essa conjectura puder ser confirmada, a China confirma capacidade de imagem por satélite inferior apenas à dos Estados Unidos. É importante referir que, mesmo com nome civil, os Gaofen 11 mencionam claramente a sua utilização militar: podem fornecer garantia de informação para a implementação de grandes estratégias nacionais como o “Cinturão e Estrada” e a modernização da defesa nacional chinesa. O sistema imageador do satélite chinês permite ler uma manchete de jornal nas mãos de alguém no solo.

O Gaofen tem capacidade de uso militar

Catalogado como 49493 (2021-107B), seu terceiro estágio entrou em uma órbita de 206 x 515 km. Nenhum detalhe mais aprofundado do satélite divulgado, continuando a reticência chinesa com esse tipo de Gaofen. O lançamento foi o 44º da China neste ano. Posteriormente, o satélite entrou com sucesso na órbita programada e a missão de lançamento foi um sucesso total. O Gaofen 11 03 foi desenvolvido pela Quinta Academia da China Aerospace Science and Technology Corporation.

O Centro de Lançamento de Satélites de Taiyuan experimenta muito frio em novembro, e a temperatura extremamente baixa durante a missão atingiu 30 graus Celsius negativos. A fim de garantir que o foguete não fosse afetado pelas condições ambientais e fosse lançado dentro do prazo previsto, medidas de salvaguarda foram tomadas: por um lado, proteção contra baixas temperaturas para inverno, e a combinação de camada de isolamento e ar quente bombeado é usada; por outro lado, os preparativos a fim de melhorar a trajetória em relação à carga dos ventos de alta altitude, quando as condições do vento atingem um certo limite, a trajetória é modificada aumentando a probabilidade do lançamento na janela pré-determinada.

O Longa Marcha 4B é desenvolvido pelo Grupo de Ciência e Tecnologia Aeroespacial, oito casas líquidas em temperatura ambiente de foguete de três estágios, capaz de lançar vários tipos de satélites em diferentes requisitos de capacidade de órbitas, colocar um unico satelite ou cargas multiplas, em órbita sincrona com o sol ou órbita geossincrona. A capacidade de carga orbital pode chegar a 2,5 toneladas. Esta é a terceira vez que o foguete CZ-4B realiza uma missão de lançamento de Gaofen da série 11. Anteriormente, o CZ-4B lançou com sucesso outro Gaofen, o 11 01, em 31 de julho de 2018, e o Gaofen 11 02 em 7 de setembro de 2020. O Longa Marcha 4B é desenvolvido pelo Grupo de Ciência e Tecnologia Aeroespacial, oito casas líquidas em temperatura ambiente de foguete de três estágios, capaz de lançar vários tipos de satélites em diferentes requisitos de capacidade de órbitas, colocar um unico satelite ou cargas multiplas, em órbita sincrona com o sol ou órbita geossincrona. A capacidade de carga orbital pode chegar a 2,5 toneladas. Esta é a terceira vez que o foguete CZ-4B realiza uma missão de lançamento de Gaofen da série 11. Anteriormente, o CZ-4B lançou com sucesso outro Gaofen, o 11 01, em 31 de julho de 2018, e o Gaofen 11 02 em 7 de setembro de 2020. Esta missão é o 80º lançamento da série Longa Marcha 4B, 146º da série dos Longa Marcha em geral desenvolvidos pela Oitava Academia de Ciências e o 397º lançamento da série Longa Marcha de foguetes.

Conheça mais sobre exploração espacial no Curso Introdutório de História e Fundamentos da Astronáutica

Curso de Introdução à Astronáutica

CONTRIBUA ATRAVÉS DO PIX DO HOMEM DO ESPAÇO: homemdoespacobr@gmail.com

Compre os e-books da Biblioteca Espacial Brasileira:

BIBLIOTECA ESPACIAL

E-book Estações Espaciais Volume I

E-book Estações Espaciais Volume II

E-book Naves Espaciais Tripuladas

E-book Compêndio da missão EMM-1 dos Emirados a Marte

E-book Compêndio Satélites Militares

E-book Compêndio da missão Soyuz 9

Author: homemdoespacobrasil

Sua referência em Astronáutica na internet

%d bloggers like this: