Russos poderão ir à estação orbital chinesa

Estão sendo feitas declarações sobre a possibilidade

A Roskosmos russa está estudando a proposta da China de enviar cosmonautas russos à estação orbital chinesa, mas negociações concretas ainda não começaram, disse Sergei Krikalev, assessor do chefe da estatal à Interfax.

Estação espacial Tiangong chinesa, na sua configuração completa

“Os chineses estão convidando profissionais de todo mundo para trabalhar para eles, mas até agora não houve um conversa real”, disse Krikalev durante a conferência espacial GLEX2021. Ele também lembrou que para essas missões será necessário usar um substituto para a nave russa Soyuz. “Não chegaremos à estação deles em nossa nave, portanto deve haver outro esquema. Para o qual não há negociações concretas ainda”, acrescentou. Esta nova espaçonave seria a Aryol, que está sendo desenvolvida pela Rússia para transportar até quatro cosmonautas em voos orbitais terrestres e também com possibilidade de missões lunares.

Espaçonave Aryol

Anteriormente, o chefe da Roskosmos, Dmitry Rogozin, anunciou a negociação do envio de cosmonautas russos para a estação orbital chinesa.

Author: homemdoespacobrasil

Sua referência em Astronáutica na internet